Universidade faz testagem da comunidade acadêmica e profissionais de saúde em Alfenas, MG

Projeto já aplicou 450 testes rápidos e expectativa é que número de exames feitos chegue a 1.500.

Universidade faz testes na comunidade acadêmica e profissionais da saúde em Alfenas A Universidade Federal de Alfenas (Unifal) está com um projeto para testagem da Covid-19 na comunidade acadêmica e também em profissionais da saúde pública.

Um dos objetivos é monitorar a progressão da doença para evitar uma nova onda da doença na cidade. O projeto já aplicou 450 testes rápidos em profissionais da saúde e na comunidade acadêmica de alfenas.

A testagem começou há um mês.

Os profissionais da saúde podem passar pelo exame por causa do risco e estarem na linha de frente. Já os integrantes da universidade que precisam trabalhar presencialmente passam pelos exames para que a Unifal consiga monitorar e avaliar a progressão da doença. “Os estudantes, eles vão elevar o número de pessoas que vão voltar para Alfenas.

Isso pode causar uma nova onda.

O que a gente está pensando é testar o pessoal que está trabalhando com atividades de pesquisa e o trabalho semi-presencial”, explicou a diretora do laboratório central, Maria Rita Rodrigues.

Universidade faz testagem da comunidade acadêmica e profissionais de saúde em Alfenas (MG) Reprodução/EPTV Os testes são feitos com amostras de sangue e ficam prontos em uma hora.

A expectativa é que mais 1.500 exames sejam aplicados. “O ideal é a gente priorizar as pessoas que estejam com sintomas ou que estão convivendo e tiveram contato com alguém que teve o teste positivo”, salientou a diretora.

Os testes rápidos ajudam no monitoramento dos casos, mas ainda há dificuldade para fazer exames em massa até mesmo entre a comunidade acadêmica. “Teve deficiência de insumos para realização de testes, não só no Brasil, mas também em outros países.

Com certeza a dificuldade de estabelecer testagem em massa, dificulta o entendimento da doença, da circulação da doença na região”, explicou o virologista Luiz Felipe Leomil Coelho.

Coronavírus em Alfenas De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura, Alfenas contabiliza 313 contaminações pelo novo coronavírus, sendo 21 mortes por decorrência da doença.

Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Categoria:MG - Sul de Minas